Cloud:

Os dados e a capacidade de usá-los são a corrida do ouro na era digital.  A proliferação de dados e fontes de dados está reformulando as organizações e os modelos de negócios.  Os sistemas legados de TI não podem suportar o grande volume de dados, já que não são flexíveis e escaláveis e são muito caros para essa nova era. A cloud está sendo cada vez mais considerada como uma alternativa para soluções ágeis, escaláveis e elásticas.

Para criar vantagem competitiva e cortar custos, os CIOs e outros líderes de TI precisam adaptar constantemente suas estratégias para aproveitar os recursos dos serviços na cloud.  Até 2020, o poder computacional vendido por provedores de serviços na cloud será maior do que o vendido e implantado em data centers corporativos.  O papel da cloud como suporte ou meio para os negócios digitais é fundamental.

 

Voltar ao topo

 
Sessão de Perguntas & Respostas com Daryl Plummer, VP e Gartner Fellow:

P: Como esse tema evoluiu desde o ano passado? Ou seja, houve alguma mudança importante no mercado? Mudanças na estratégia? Mudanças na tecnologia?

R: A história da cloud continua a ganhar solidez. Os principais provedores de serviços na cloud estão ainda mais enraizados e simplesmente evoluindo e aumentando seu domínio. Serverless computing, IA, Blockchain e IoT continuam a crescer como novos recursos de plataforma de tecnologia na cloud. O multicloud ainda está crescendo, mas não é bem compreendido por muitas empresas. E o suporte à edge computing agora está vinculado ao crescimento da cloud.

 

P: Qual é o maior erro que as organizações cometem quando se trata desse tema?

R: Muitas organizações ainda tratam a cloud computing como uma migração de data center, concentrando energia demais em infraestrutura como um serviço e não o suficiente nas estratégias de SaaS. Enquanto a maioria das empresas já possui algum SaaS implementado, seus departamentos de TI tendem a priorizar a migração de IaaS em termos de governança, estratégia e orientação. Os dois deveriam evoluir melhor juntos. Outro grande erro é tratar a estratégia de cloud como uma atividade abrangente que envolve todas as cargas de trabalho da empresa, em vez de criar uma série de melhores práticas a partir do exame das cargas de trabalho individuais, uma de cada vez. 

 

P: Como os líderes de TI estão aproveitando esse tema para transformar suas organizações?

R: Os líderes de TI usam a migração para a cloud como um meio de obter autorização e orçamento para a modernização, além de um meio de transferir atividades menos valiosas para a cloud, para que possam se concentrar em tarefas mais críticas. 

 

Voltar ao topo

 
Por que a cloud é tão importante?
  • O negócio digital exige o compartilhamento de dados em todos os canais do ecossistema. Agora, esses dados são provenientes de várias aplicações e soluções que são mais baseadas em negócios do que na TI.  A cloud é a forma mais flexível e econômica de se conectar e compartilhar todos os dados.
  • A cloud é a espinha dorsal da transformação digital.  O conteúdo digital precisa de um suporte para as enormes quantidades de dados provenientes de pessoas, lugares e coisas – em todos os parceiros do ecossistema, que seja escalável​ e flexível, a cloud é a resposta.
  • A cloud é uma prioridade para os CIOs. É fundamental que eles tenham opções escaláveis, flexíveis e econômicas para a gestão de dados. A cloud permite que a TI ofereça suporte às necessidades em constante mudança dos negócios e apoio à arquitetura de TI.

 

Voltar ao topo

 
Os principais tópicos a serem tratados no Gartner Symposium/ITxpo 2018 são:
  • SaaS
  • IaaS
  • PaaS
  • Multicloud
  • Infraestrutura e Operações de TI

 

Voltar ao topo

Viva a Experiência Gartner.